Páginas

sexta-feira, 17 de agosto de 2012

Maquiagem orgânica

Por muitos anos o único objetivo da maquiagem era obter um bom resultado estético, sem levar em conta os efeitos adversos na pele a longo prazo. Atualmente, as grandes empresas têm fórmulas de beleza que respeitam e cuidam mais da saúde da pele, e oferecem produtos que não agridem o meio ambiente, com ingredientes naturais de alta qualidade: extratos de plantas medicinais, cultivo orgânico, óleos e ceras vegetais, pigmentos micronizados e complexos vitamínicos.
Para as maquiagens serem consideradas orgânicas, deve-se levar em conta alguns princípios:
- ser de origem botânica, nunca de origem animal
- cultivada biologicamente;
- não ter sido testada em animais;
- com embalagem reciclada e/ou reciclável
- que gere o mínimo impacto biológico durante sua fabricação, assim também como no seu armazenamento e transporte;
- sem maiores conservantes, colorantes e produtos artificiais.
Vamos saber quais são mais adequados à estes princípios?

Os produtos relacionados com a epiderme são aqueles que estimulam a sua função regenerativa, portanto, aqueles com fragrâncias sintéticas, parafina ou outros produtos petrolíferos não são adequados.
É essencial ler as entrelinhas do rótulo do produto a ser comprado. Se é impossível pronunciar a metade dos ingredientes, provavelmente você pode encontrar uma opção mais saudável. Se, no entanto, a lista inclui plantas, tais como o óleo de jojoba, extrato de calêndula, óleo essencial de hortelã-pimenta ... está apontando na direção certa.
É importante saber o que os cremes e maquiagens contêm, porque a pele está constantemente absorvendo substâncias através de seus poros. Alguns podem ser agressivos e causar alergias, irritação, desidratação e envelhecimento precoce.

O ideal é evitar fragrâncias sintéticas: talco, ftalatos, conservantes (etilparabeno, propilparabeno, butilparabeno, são alguns) assim como dietanolamina (DEA), trietanolamina (TEA) e monoetanolamina (MEA), estes últimos três, de acordo com a  FDA (Food and Drugs Administration), interferem negativamente sobre os sistemas imunológico e nervoso.
A lista é longa, e várias investigações americanas descobriram que um em cada oito componentes, dos 82 mil usados ​​em produtos para cuidado pessoal, são químicos industriais que podem ser bastante tóxicos, como afirmam as organizações de saúde responsáveis. 

Não se trata de colocar todos os nosso produtos no lixo, mas sim conhecer os problemas, para evitar o uso contínuo, na medida do possível.

Nova fórmulas

Os princípios básicos de maquiagem são dar luminosidade à pele, suavizar as irregularidades e disfarçar as linhas finas. As fórmulas naturais na composição incluem óleos que nutrem a pele, partículas de argila naturais que reduzem o brilho e pigmentos refletores. A vitamina E também pode ser incorporada para neutralizar o envelhecimento, bem como ácido hialurônico para proteger contra a desidratação, e componentes variados como o óleo de macadâmia, seda, jojoba, calêndula, polifenóis de uva e esqualeno de óleo de oliva, que hidratam e nutrem a pele profundamente.
As bases e corretivos que disfarçam as olheiras, vermelhidão, manchas e cicatrizes pequenas podem ser compostos por lecitina, óleo de abacate, de noz, jojoba e manteiga de karité para hidratar a pele; enquanto plantas medicinais como cenoura, camomila e calêndula atuam como calmantes.
Base líquida Elizabeth Arden com pigmentos minerais que suavizam as imperfeições e
proporcionam um aspecto radiante e acabamento natural

O blush pode ser composto por seda, pétalas de rosa e óleo de jojoba para dar vigor à pele.
A cosmetologia orgânica oferece sombra de olhos à base de pigmentos naturais, pétalas de rosas e de seda, que cuidam da pele mais sensível do rosto.
Sombra em creme totalmente orgânica da RMS Beauty
Os batons, além de color, nutrem e hidratam com ingredientes como óleos vegetais e ceras naturais: óleo de amêndoas, cacau, manga, damasco, entre muitos outros.
L'Occitane, Tracta e Revlon são algumas marcas de batons que não testam em animais 

Mary Kay e sua linha orgânica
Os lápis de olhos incluem aloe vera e extratos de eufrásia, chá preto e folhas de neem e os rímeis incluem cera de rosas e óleo de jojoba para alongar e fortalecê-los.
Rímel da Dermage
Marcas que agem em prol da nossa saúde e do meio animal e ambiental: Vita Derm  Mary Kay, Dermage, Wet ´n Wild, Clarins, Chanel, Clinique, L'Oreal, Tracta, Revlon, RMSbeauty, Zoya, Smashbox, Ecru NY, MAC, urban Decay, Yves Rocher, Elizabeth Arden, Avène, Clarins, Sol de Janeiro e Cover Girl. Para citar algumas.
São mais caras, mas fazem bem à saude. Então, porque não optar pela qualidade?










Um comentário:

  1. que bom saber de tantas coisas importantes e que talvez nunca estamos ligadas!!

    http://anitamakingof.blogspot.com.br

    ResponderExcluir

Comente com seu Facebook!