Páginas

quinta-feira, 29 de agosto de 2013

Fitoterápicos - dicas da nutri

Fitoterápicos são medicamentos obtidos a partir de plantas medicinais. Eles são formados exclusivamente dos princípios ativos encontrados nestas plantas, e extraídos diretamente delas através de um modo natural e não são sintetizados em laboratório.  Há uma grande quantidade de plantas medicinais, em todas as partes do mundo, utilizadas há milhares de anos para o tratamento de doenças. 

É considerado fitoterápico, preparações farmacêuticas que utiliza como matéria-prima partes de plantas, como folhas, caules, raízes, flores e sementes, com conhecido efeito farmacológico. 
Na busca pelo "corpo ideal", cada vez mais pessoas procuram utilizar medicamentos, chás e fórmulas à base de ervas e substâncias naturais. Existem inúmeros fatores que levam ao ganho de peso como alimentação inadequada, estresse, ansiedade, alterações hormonais, sedentarismo, entre outros. A compulsão por doces, massas e carboidratos em geral, é muito comum entre as pessoas que querem emagrecer, além disso, existe o aumento de apetite e a fitoterapia pode auxiliar nestes fatores, amenizando seus sintomas, pois, algumas ervas possuem efeitos comprovados para o auxílio no tratamento da obesidade e perda de peso.

Os fitoterápicos atuam também no controle da fome, evitam a retenção de líquidos, reduz as gorduras ingeridas, contribui para a manutenção do peso e para o bom funcionamento intestinal, melhora a absorção de gordura, melhora o sistema cardiovascular e a auto-estima.

Porém, apesar dos benefícios, não vale comer de tudo e deixar de se exercitar. A regra de manter uma dieta balanceada, incluindo atividade física, se aplica também para esses tratamentos. Isso porque, com uma vida mais saudável, os resultados são ainda melhores.
Contudo, por mais natural que seja, é importante termos certos cuidados com remédios naturais, pois, a utilização de plantas medicinais não é isenta de efeitos colaterais, interações medicamentosas ou contra-indicações. 

Apresentam substâncias que podem ser tóxicas, desencadeando reações adversas. Além disso, a utilização da dose incorreta pode causar efeitos colaterais indesejáveis, portanto, é de extrema importância que o seu consumo seja orientado por um profissional nutricionista apto para esta prescrição.













0 comentários:

Postar um comentário

Comente com seu Facebook!