Páginas

terça-feira, 21 de outubro de 2014

Saias midi godês: à toda na moda



A saia midi foi a peça chave para as mulheres durante os anos de 1950. Todas nós reconhecemos essas figuras femininas do passado com saias de cintura bem marcada (e finas, diga-se de passagem), logo abaixo dos joelhos, revelando apenas os tornozelos. Hoje, saias midi assumiram diferentes formas e novas nuances que criam variedades distintas dentro da mesma família das saias: saias lápis com fendas laterais, pregas,  plissadas, vazadas, com transparências e tutus voluptuosos.



Mas como podemos usar essas saias? O primeiro requisito para uma boa aparência é a de considerar a sua altura. Saias midi podem encurtar visualmente as pernas, por isso, se você não é alta, o comprimento deve ficar logo abaixo dos joelhos. Calçar bons e altos saltos também é uma boa recomendação para estilizar o corpo.





Olha esta versão para noites frias e dias quentes do mesmo look, que bacana!







O melhor amigo da saia midi é o top cropped, uma peça que voltou da década de 1990 e combina perfeitamente com saias e calças de cintura alta. Se você não curte esta opção, pode usá-la com camisas e blusas. A melhor coisa sobre este saia é que ela enfatiza as formas femininas, emoldurando a cintura com um toque de elegância.







As saias midi multiplicaram-se com a promessa de trazer glamour e sofisticação para o nosso closet. Designers e marcas como Burberry Prorsum, Prada, Alexander Wang, Victoria Beckham, Céline e Louis Vuitton escolheram esta peça para suas coleções. E você? Você vai se render ao charme da saia midi?





E, se ainda assim, não mudou de ideia, nem tanto pelo comprimento, mas pelo volume, tem um shape para você... o plissado.
Você vai ficar fabulosa...




0 comentários:

Postar um comentário

Comente com seu Facebook!